AS PESSOAS COM SOBREPESO

  • Por: MD Latino
  • December 19, 2014
  • 0 Comentarios
AS PESSOAS COM SOBREPESO

 

POR Daniel Gwartney

 

Existe uma preocupação generalizada nos Estados Unidos em razão da quantidade de cidadãos obesos ou com sobrepeso. Então você pode imaginar a comoção que causou o Centro de Controle de Doenças quando publicou um estudo no qual declara que os sujeitos com sobrepeso e inclusive aqueles medianamente obesos (IMC de 30-35) vivem mais do que as pessoas com peso normal. A ideia foi abraçada de forma imediata por milhões de pessoas que tiraram de suas cabeças a preocupação e urgência em perder peso.

 

Obviamente, isso foge do entendimento geral e do publicado por numerosos estudos prévios. Um painel de cientistas de Harvard foi convocado para avaliar a qualidade dessa pesquisa e também a autora da meta-análise, Katherine Flegal, PhD, foi convidada a estar presente, mas ela declinou o convite.

 

As principais críticas foram que os pesquisadores incluíram fumantes e outras pessoas com saúde frágil que apresentavam condições deterioradas (ex., câncer, AIDS, etc.) e outras condições associadas com a perda de peso.

 

Isso melhora de forma “artificial” a saúde das pessoas obesas ou com sobrepeso. Além disso, foram excluídos numerosos estudos que usavam outras medidas além do IMC, deixando de fora mais de seis milhões de pessoas. Por último, a idade dos sujeitos não foi levada em consideração, a associação entre peso e mortalidade é maior em gente jovem do que aos 65 anos.

 

A Dra. Flegal continua defendendo as conclusões do seu estudo, enquanto o painel de especialistas segue criticando-a e apoia a credibilidade de que a obesidade e o sobrepeso são prejudiciais à saúde e aumentam o risco de morte prematura.

 

Assim solicitam que se evite criar confusão na opinião pública que poderia levar a comportamentos pouco saudáveis. Os defensores da Dra. Flegal estão apaixonados com os descobrimentos trazidos pela pesquisa. Porém, é raro que os académicos se pronunciem com palavras tão fortes, como o Dr. Walter Willet, quem declarou que sente que os resultados do estudo são “deficientes e extremamente enganosos, e para ser educado, o estudo é uma montanha de lixo”.

 

É confuso quando os especialistas não estão de acordo, e o assunto é muito mais complexo do que “qual é seu IMC?” No entanto, o senso comum e a preponderância da literatura científica aceita que ter sobrepeso ou ser obeso é menos saudável do que ter um peso normal.

 

Não confie nos dados desse estudo tão controverso quando for comer uma sobremesa.

 

sobrepeso1 AS PESSOAS COM SOBREPESO

 

Referências:

  1. Flegal KM, Kit BK et al. Association of all cause mortality with overweight and obesity using standard body mass index categories: a systematic review and metaanalysis. JAMA 2013;309:71-82.
  2. Berrington de Gonzalez A, Hartge P, et al. Body mass index and mortality among 1.46 million White adults. N Engl J Med 2010;363:2211
  3. Wormser D, Kaptoge S, et al. Separate and combined associations of body mass index and abdominal adiposity with cardiovascular disease: collaborative analysis of 58 prospective studies. Lancet 2011;377:1085-95.

4. Harvard School of Public Health. Does being overweight really reduce mortality? March 8 2013 http://www.hsph. harvard.edu/nutritionsource/does-beingoverweight-really-reduce-mortality

Comentarios: